terça-feira, agosto 01, 2006

Tempo



Tempo.. cada vez mais percebo que é algo relativo...

Estou desde Julho de férias, no entanto parece que ainda foi ontem... e só me apetecia parar o relógio do tempo...

Cada vez mais sou sensível ao tempo, e à relatividade dele... infelizmente cada vez mais percebo como em geral somos insensíveis a ele...

Temos o nosso relógio, biológico, do ritmo de trabalho, do ritmo de estudo, do ritmo de vida... é esse relógio que reage a nossa vida, a maneira como 5 minutos é um tempo infinito para descansar, ou um tempo insignificante...

Para mim, cada vez mais, o tempo é mais psicológico que físico, e temos que ter em conta que as pessoas simplesmente podem não se conseguir gerir pelo nosso relógio. Assim quando faltam 15 dias para um exame e dizemos "não tenho tempo", devemos ter em consideração isso mesmo, e compreender.

Na nossa vida, "além-estudos" ainda mais...

Tentar subjugar alguém ao nosso tempo, é uma tirania. Tentarmo-nos adaptar ao tempo de alguém pode também não ser sensato...

Respeitar é então a palavra de ordem...


Afinal, o tempo não é todo igual!

1 comentário:

Anónimo disse...

Hum... O tempo que espero por uma pessoa e o tempo que estou com ela... Ainda que iguais em termos físicos é... Tão diferente, em termos psicológicos. :) Às vezes apetece parar o Mundo... Doutras, avançá-lo. :) Muitas vezes penso como seria se alguém no Mundo pudesse controlar o tempo. :) Avançar, regredir... É como a criação de uma máquina do tempo. :) Seria engraçado, mas...


...Há sempre um mas. :)


Há é que aprender a reger o nosso tempo... E a aproveitá-lo da melhor maneira. :) Será essa a "palavra de ordem"... :)