quinta-feira, agosto 31, 2006

Coca-Cola



Depois de ouvir vários rumores sobre a origem da Coca-Cola, como por exemplo, que era feita com cocaina, ou que derretia pregos achei interessante ir ler a uma fonte mais credível...

Escolha feita quase de imediato, Wikipédia!

Acabei por ler coisas curiosas, sabias que:

...a coca-cola foi inicialmente um medicamento?

...foi realmente inicialmente feita com o estimulante sendo cocaina?

...tem o segundo nome derivado o que lhe dá sabor, noz de cola?

...a bebida era inicialmente embalada em barris vermelhos, daí a sua cor "oficial"?

...durante a 2º Guerra Mundial havia fábricas de coca-cola móveis para fornecer a bebida aos soldados americanos?

...a cópia original da fórmula é guardada no cofre principal do SunTrust Bank em Atlanta?


Quem tiver mais curiosidade sobre a Coca-Cola pode ler aqui.

É sempre bom ultrapassar mitos...
...e chegar à verdade!


Ps: Cuidado que o artigo na wikipédia alerta que o artigo é parcial, logo pode ter algumas "realidades" menos verdadeiras.

quarta-feira, agosto 30, 2006

Ideal...



Ultimamente apercebi-me que cheguei a um fase *estanque* de personalidade, passo a explicar...

Apercebi-me quem na maioria das coisas essenciais tornei-me naquilo que ambicionava, (leia-se ambicionava no sentido de achar mais correcto, no sentido de uma meta a atingir), e tendo consciência, (seja esta correcta ou não), disso acabei por ficar muito alegre por isso... digo isto correndo o risco de parecer, ou mesmo, ser arrogante mas não deixa de ser, em verdade, o que sinto...

A alegria deu lugar a uma sensação de incomodo, que demorei bastante tempo a perceber a causa... pensei talvez que fosse do vazio temporário de alguns objectivos pessoais a nível de construção da personalidade mas isso, mesmo sendo motivo suficiente para tal, percebi que não era motivo único...

Percebi que ter convicções mais fortes sobre as minhas "boas" acções fez-me desleixar o "grande bem" que sempre tentei manter presente... saber ouvir, saber estar atento, avaliar-me bem e sobretudo ver as coisas duma forma para além do meu próprio ponto de vista limitadissimo...

Sei agora, que é urgente a delineação de novos objectivos, para que a sensação de objectivo cumprido se desvaneça, dando lugar de novo à ponderação que nunca devia ter sido abafada.


Curiosamente chamaram-me neste verão "Homem do Leme"...

...é altura de delinear uma rota!

segunda-feira, agosto 28, 2006

Fobias



Ando a ler este livro...

Tenho achado bastante interessante, talvez porque gosto de psicologia humana, e bem ou mal, acabo por relacionar um pouco isto com psicologia (embora, psiquiatria != psicologia - entenda-se != por diferente).

Este livro é escrito num tipo de "humor" científico, ou seja, diz que sintomas devemos ter para apresentarmos cada uma das patologias, numa vertente cientificamente correcta...

Acabei por achar uma fobia que, embora nunca tenha tido completamente, já tive alguns traços, (isto ao bom estilo portuga: eu vejo os sintomas, eu tenho isso.. mas neste caso, eu tivesse isso..), mas no fundo, qual o adolescente que não esteve por lá...



Personalidade Evitante (DSM - IV)

Padrão generalizado de inibição social, sentimentos de inadequação e hiper-sensibilidade às avaliações negativas, indicado por 3 ou mais dos seguintes:

1. evitamento de actividades profissionais que envolvam contactos pessoais significativos, por medo de criticismo, desaprovação ou rejeição;

2. não se envolve com pessoas, a menos que esteja seguro de ser aceite;

3. mostra restricção nos relacionamentos íntimos por medo de ser envergonhado ou ridicularizado;

4. atormenta-se por ser criticado ou rejeitado em situações sociais;

5. inibição em situações interpessoais novas por sentimentos de inadequação;

6. vê-se a sia próprio como inepto socialmente, inferior aos outros ou sem encanto pessoal;

7. normalmente relutante em assumir riscos pessoais ou envolver-se em novas actividades que possam vir a ser embaraçosas;


"end of PE"


Felizmente foi uma das coisas que ultrapassei, e agora, continuando a ser tímido no interior, acho que sou muito aberto às pessoas...


Hoje descobri, ou melhor, redescobri, que tenho Belonofobia (acho que é este o nome...não consegui bem perceber na net qual dos nomes é o correcto para a fobia a agulhas)... isto porque fui levar uma vacina e ridiculamente fiquei K.O... ou melhor, fico sempre...



Já ultrapassei a PE, quem sabe se não ultrapasso esta também... tenho 10 anos até à próxima vacina para me ir mentalizando...


Afinal, como diria uma amiga minha, não sou estranho...
...sou excêntrico!

domingo, agosto 27, 2006

Até já...



Hoje subi na minha própria consideração alguns pontos...

Tomei uma decisão que estava pendente há tempo demais... sem tempo suficiente para o projecto decidi dar a vez e oportunidade a outros...

6 anos de PThelp, 4 de administração da equipa... acho que devo agradecer acima de tudo... pelo que aprendi sobre liderar... pelo que aprendi sobre relações humanas... pelo que aprendi sobre o que é trabalhar em equipa...


Saber quando passar a pasta é algo que para mim é extremamente difícil, por isso mesmo, a minha decisão, é nesse sentido uma vitória sobre mim mesmo...

Obrigado mesmo, a todos os que sempre me apoiaram só graças a eles pude chegar onde cheguei.

Fecha-se um capítulo, mas é apenas um até já, fico por lá como "Helper" enquanto me deixarem e/ou me for possível :-)


NeTeInStEiN...

...quem diria que este nick acabaria por chegar "tão longe"...

sábado, agosto 26, 2006

Long Tao 2006



12 dias de campo... 12 dias de serviço, 36 sorrisos...

Sensação de dever cumprido e felicidade por ter sido fantástico!

É interessante como em tão poucos dias o essencial e o importante podem realmente ser realçados, e isso ficar marcado para o futuro...

O nosso Long Tao, a nossa via do dragão, o realizar dos nossos sonhos está realmente ao nosso alcance, basta lutar por eles!

quinta-feira, agosto 10, 2006

quarta-feira, agosto 09, 2006

Hiper...



Desde há algum tempo ando a "sofrer" de uma especie de hiperactividade...

De inicio induzida pela necessidade de ter um ritmo, absolutamente louco, para conseguir fazer entregas de trabalhos no tempo ideal no meu departamento... mas que, pouco a pouco, se tem expandido a tudo...

Deixei de conseguir estar como eu dizia a "vegetar", ou seja, sem fazer mesmo nada, só a divagar... há sempre alguma coisa para fazer, e enquanto não tiver feita não consigo estar relaxado...

É o mote "não faças amanhã o que podes fazer hoje" tornado real, de uma forma absolutista e que já começa a não me agradar, por estar fora de controlo...

A minha cabeça anda sempre a mil, a pensar em mil e uma coisas que vou precisar e que outras pessoas ficaram de fazer mas que acabo por ir monitorando para não falhar nada... será falta de confiança?

Uns dias em Taizé agora saberiam bem... que me lembre deveria ser o único sítio a abrandar-me o ritmo drasticamente, mas ao mesmo tempo de um modo muito agradável; Sem tempo para lá ir, resta-me aprender eu próprio a criar silêncio dentro de mim...


Preciso de uma folga de mim mesmo...

..e de a conseguir aproveitar...

segunda-feira, agosto 07, 2006

This one time, at band camp...



Cada vez mais sinto-me um "Band Camp geek", aquele género de pessoas que o filme American Pie retrata de uma forma divertida.

Primeiro, e menos importante, porque realmente até faço campos de férias... por acaso não são de/para orquestras mas como disse, isto também não é de longe o mais importante.

O importante é que ajo como tal, tento não ser mais um, agir correctamente, mas não apenas porque o resto da sociedade o faz. Nunca deixar de ser criança... fazer rir sempre que posso, tentar fazer sorrir ainda mais...

Deixar de lado o rígido dia-à-dia e ter sempre uma história engraçada para contar, uma careta para fazer, um sorriso para dar, para transmitir alegria às outras pessoas...

De facto, muitas das minhas histórias, (reais), acabam por começar por "This one time, at band camp..."

Que histórias trarei do próximo?

sábado, agosto 05, 2006

Capuchinho Vermelho



Fui ver este filme.

Estava à espera de um tipo de filme diferente, uma comédia essencialmente.. acabei por ter momentos que achei geniais de comédia, mas o restante filme acaba por não ser tão focado em comédia e mais em mostrar como várias pessoas que viveram todas o mesmo acontecimento podem ter pontos de vista tão diferentes e formar opiniões tão contrárias...

Deixo-vos um link para um momento que confesso que não vou esquecer tão cedo, com uma personagem que adorei, um bode...(infelizmente não achei ainda um vídeo que contenha o momento todo, por isso se quiserem ver o fim da cena com o bode, vejam o fim por aqui este contém o fim, mas não contém o principio...enfim)


Aquele aspecto tresloucado e cantoria inusitada... genial!

Só tenho pena de não ter achado até agora esta parte do filme na versão portuguesa, que achei igualmente genial, uma transição do original muito boa.


Confesso gostar de ter um aspecto meio louco...

...resta a pergunta se sou mesmo...

terça-feira, agosto 01, 2006

Tempo



Tempo.. cada vez mais percebo que é algo relativo...

Estou desde Julho de férias, no entanto parece que ainda foi ontem... e só me apetecia parar o relógio do tempo...

Cada vez mais sou sensível ao tempo, e à relatividade dele... infelizmente cada vez mais percebo como em geral somos insensíveis a ele...

Temos o nosso relógio, biológico, do ritmo de trabalho, do ritmo de estudo, do ritmo de vida... é esse relógio que reage a nossa vida, a maneira como 5 minutos é um tempo infinito para descansar, ou um tempo insignificante...

Para mim, cada vez mais, o tempo é mais psicológico que físico, e temos que ter em conta que as pessoas simplesmente podem não se conseguir gerir pelo nosso relógio. Assim quando faltam 15 dias para um exame e dizemos "não tenho tempo", devemos ter em consideração isso mesmo, e compreender.

Na nossa vida, "além-estudos" ainda mais...

Tentar subjugar alguém ao nosso tempo, é uma tirania. Tentarmo-nos adaptar ao tempo de alguém pode também não ser sensato...

Respeitar é então a palavra de ordem...


Afinal, o tempo não é todo igual!