quarta-feira, janeiro 16, 2008

Hoje


Hoje sinto-me angustiado.

Por nenhum motivo em particular, por vários em geral.

Se não tiver grandes conversas, não estranhem...

...estou a tentar perceber o que se passa.

1 comentário:

An@ disse...

Torna-se difícil entender, muitas vezes, o que nos assombra ou porque nos assombra. Nos prende os pés, as mãos, a língua e não deixa que nada possa sair com a naturalidade de sempre...

São perguntas sem resposta que vagueiam e nos ocupam horas do dia à procura de as entender, entender o porquê, de onde vêm... porquê?para quê?

amanhã é outro dia!