sábado, fevereiro 23, 2008

Liderança Inaciana / Heróica - "A maneira como fazemos as coisas"


Acabei de ler este livro... mesmo a tempo da reunião na qual vou mais precisar de muitas das coisas que ele fala, especialmente indiferença inaciana.

Acho que não estava à espera de achar os métodos de liderança tão interessantes... muito menos tão aplicáveis a tudo na vida, dado que foram criados pela Companhia de Jesus, uma "empresa" com fins não lucrativos e com ambicioso relacionadas com a religião.

O quatro pilares do sucesso fascinaram-me:

- Auto-conhecimento – compreender os nossos pontos fracos e fortes, valores e visão do mundo
- Amor – relacionar-nos com uma atitude positiva, e cheia de amor
- Engenho – não recear inovar e adaptar-nos à mudança
- Heroísmo – motivar-nos e aos outros através de ambições heróicas

A força do auto-conhecimento, fomentado pela Companhia nos famosos exercícios espirituais, onde nos conhecemos, e fortalecemos a nossa certeza dos nosso valores e visão do mundo em conjunto com uma relação positiva de amor para com todos, exorcizando a ideia de que o amor não é válido para as pessoas abaixo de nós na hierarquia e misturado com a capacidade de mudança e adaptação tendo em vista objectivos estabelecidos, extremamente difíceis e ambiciosos positivamente é uma mistura explosiva!

Retenho ainda algumas passagens que me marcaram, nomeadamente uma em que um jesuíta pede um conselho a Inácio de Loyola, na altura geral da Companhia de Jesus, sobre como deverá decidir sobre um assunto.. e ao contrário do que esperava recebe uma repreensão por o pedir e uma indicação para decidir como achar melhor, dado que é ele que tem a melhor visão sobre o assunto, ao contrário de Loyola que está longe, bem como a certeza de que, o que quer que ele decida, Loyola aceitará.

Relembro ainda também a maneira como a adaptação tomou um expoente máximo, com vários jesuítas que iam para a Ásia por exemplo, e modificavam o seu vestuário e maneira de estar para se adaptarem à sociedade, não tentando impor, por exemplo, a sua maneira de vestir de negro.


Acho que ainda não consegui ter uma noção clara de tudo o que aprendi...

...daqui a algum tempo voltarei a le-lo provavelmente...


Nota: Comentário sobre o livro.

Sem comentários: