quinta-feira, julho 31, 2008

Sorrir


Acho que tenho uma cara bastante sisuda, (acabei de ir ver ao dicionário o significado da palavra e bate certo).

No dia-à-dia até posso estar alegre, mas a minha cara normal não é sorridente, é séria e pensativa.


Enquanto fazia uma viagem de carro, e como muitas vezes acontece, parei para pedir indicações percebi o quanto faz diferença o sorriso e a boa disposição..

Bastou uma frases, onde o senhor bastante animado a sorrir me disse o caminho para ficar bem disposto.. sem o conhecer minimamente apetecia-me ficar ali na conversa.


Ultimamente tenho reparado muito nisto, algumas semanas antes quando jantava num centro comercial reparei como o senhor já velhote que recolhia os tabuleiros andava todo sorridente, quase numa dança animada a fazer o seu trabalho... enquanto toda a gente à volta, o que usufruíam estavam sisudos...

Quanto me apercebi disto foi bastante estranho... pensei logo como o trabalho que ele faz é dum ponto de vista social, considerado baixo e porque aquela diferença inesperada...

Fiquei com vontade de mudar, e de me "forçar" a sorrir, todos os dias...

...será que consigo?

Reflexão: Andarei a afastar-me do anti-social e a tornar-me um animal social?

quarta-feira, julho 30, 2008

Mudar o mundo...

Como sempre o exercito americano tinha inventado um exo-esqueleto que revolucionou alguns conceitos... mas também como sempre a ideia era a guerra e o produto (quase) final este:




Finalmente alguém com alguma noção que a guerra não é das coisas mais úteis, pegou numa ideia semelhante e fez isto...



"A empresa Israelita Argo Medical Technologies,especialista em tecnologia aplicada à medicina, desenvolveu um exoesqueleto que ajudará pessoas paraplégicas a movimentarem-se. Tarefas do quotidiano como caminhar, subir escadas, sentar e até mesmo conduzir poderá ser possível com este novo aparelho!" - Peopleware


Não é só, mas é também por isto que me dá gozo estar no ramo da tecnologia...

...o limite é apenas imposto por nós mesmos... e pela física claro!

terça-feira, julho 29, 2008

(Re)começar


Hoje recomecei.

Recomecei a escrever, e (re)comecei a nova vida.

Passei os últimos meses num ritmo sobre-humano para conseguir terminar o curso no próximo ano, e até agora, parece que consegui!

Para conseguir me aproximar do objectivo acabei por abdicar de várias coisas, uma delas foi a capacidade de parar, reflectir e escrever, infelizmente... por consequência do cansaço extremo.

Soube à alguns dias, com alguma surpresa o meu estágio será em Aveiro.

Recebi com muita surpresa, mas rapidamente fiquei alegre, será a grande oportunidade de crescer mais por sair de casa, e crescer ainda mais por passar para o lado dos adultos e começar a trabalhar à séria!

Este será o meu trabalho por 1 ano... estou ansioso por começar, mas também por férias que sinto que ainda não tive.

Mas antes de tudo isso, é altura de Campinácios, e é nisto que estou concentrado.


1 mês depois...

...VOLTEI à escrita, e ao mundo, GOOD MORNING VIETNAM!