terça-feira, fevereiro 17, 2009

Diferenças


Tenho andado a pensar sobre as diferenças das pessoas, sobre se realmente há pessoas que tem mais e menos capacidade para o estudo.

Custou-me bastante a aceitar as diferenças abismais entre pessoas em relação a isto... a verdade agora é que a reconheço, no entanto parece-me redutor pensar que simplesmente nascemos assim.

Sempre achei, e acho que o talento é uma pequena parte do que nos faz chegar onde queremos, o esforço sim é a grande parte.

Isto tudo nasceu de uma conversa em que me dizem que quem não tem capacidade não vale a pena insistir, mais vale ir trabalhar..

Ora, isso é coisa para me causar alguma confusão, isto porque acho que é apenas a falta de ambiente, treino ou vontade que causa isto.. no entanto muita gente diz "se não fossem eles quem faria as casas, ou as pintava por exemplo?".

Ora bem, o meu lado de engenheiro não gosta muito dessa resposta, dado que um computador o que é? Uma máquina com a capacidade de fazer tarefas repetitivas para que foi programado, ou que por algum processo aprende, (sim, leram bem, aprende... já ouviram falar de inteligência artificial.. ainda não é humana, mas também não é nula).

E para que trabalhos vão a maioria das pessoas com menos habilitações? Trabalho repetitivos, ou pesados.

E daqui a 20 anos houver um robô que já consegue pintar uma casa, ou mesmo colocar o tijolo segundo o projecto que foi inserido? O que acontece?

Parece ficção científica? A verdade que não consigo viver no presente sem olhar para a frente e parece-me óbvio que a falta de conhecimentos mais ou menos profundos numa área especifica tem os dias contados, pelo menos para aqueles que queiram ter meios de se sustentar...

Aprender é divertido...

...basta percebermos, e superarmos as nossas inércias e reticências...

Sem comentários: